Famílias Arco-íris?

quem são as famílias arco-íris? Testemunhos e realidades.

o saber não ocupa lugar

estudos sobre parentalidades, nova investigação científica, posições oficiais de ordens profissionais, etc

Recursos

Dicas, ideias e conselhos para mães & pais, para aspirantes a mães & pais, e para outr@s educador@s

notícias

Novidades sobre a vida de famílias arco-íris, em Portugal e no mundo.

agenda

Atividades e encontros, dentro e fora de Portugal

Home » posições oficiais

National Association of Social Workers

Submitted by on Monday, 27 December 2010No Comment
National Association of Social WorkersA National Association of Social Workers (NASW, Associação Nacional dos Profissionais de Acção Social) é a maior organização de assistentes sociais do mundo, com cerca de 145 mil membr@s. A NASW centra a sua atividade no  desenvolvimento pessoal e profissional d@s profissionais associad@s, na criação e manutenção de códigos de conduta e no avanço das políticas sociais.
A NASW apoia formalmente as famílias arco-íris através, nomeadamente, do apoio expresso ao processo judicial da ACLU* (American Civil Liberties Union) que defende o casamento de pessoas do mesmo sexo .
Os gays e as lésbicas são perfeitamente capazes de ser pais e mães. Estas famílias precisam das mesmas protecções e direitos através do casamento, tal como têm os casais heterossexuais“, defende Robert Schachter, Director Executivo do departamento de Nova Iorque da NASW.  “É altura de pôr de lado as ideias antigas sobre o casamento e reconhecer que permitir aos casais do mesmo sexo dar o nó vai dar mais força quer às famílias, quer às crianças”.
A NASW faz uma reflexão sobre as últimas décadas de pesquisas em ciências sociais em relação às capacidades dos casais LGBT de serem tão bons pais e mães como os casais heterossexuais.
Todas as associações de crianças e de saúde mental se mostraram contra as restrições no casamento de pessoas LGBT. Exemplos destas organizações são a National Association of Social Workers, a Child Welfare League of America, a  American Academy of Pediatrics, a American Psychiatric Association e a North American Council on Adoptable Children.
A ACLU* levou a cabo um processo judicial em relação a 13 casais do mesmo sexo. Muito deles queriam casar na altura do Presidente Jason West mas foram impedidos depois deste responsável ter sido proibido de realizar estas uniões. A acção judicial da ACLU acusa a lei estatal que proíbe os casamentos de casais LGBT de ser anticonstitucional em relação às garantias de igualdade.
Desde a apresentação da acção judicial, dois juízes de Nova Iorque anularam as acusações criminais contra Jason West e outras pessoas que organizaram cerimónias de casamentos de pessoas do mesmo sexo. Ao tomar esta decisão, ambos os juízes confirmaram que é inconstitucional proibir estes casamentos.
*A American Civil Liberties Union (ACLU – União Americana de Liberdade, trabalha diariamente em tribunais, assembleias legislativas e comunidades para defender e preservar os direitos e liberdades que a Constituição e a Lei dos EUA garantem a todos os cidadãos. A ACLU não tem fins lucrativos e foi fundada em 1920. Desde a sua criação, @s membros foram crescendo, passando de um pequeno grupo para 400 mil associad@s e apoiantes. Para desempenhar as suas funções tem vários escritórios em todos os estados dos EUA. A Lesbian and Gay Rights Project é um departamento da ACLU formado em 1986. O objectivo é garantir o tratamento de igualdade para com as lésbicas, gays, bissexuais e pessoas transexuais. Isto significa defender as pessoas da discriminação do Governo em áreas como o emprego, habitação, escolas e espaços públicos. O enfoque é igualmente dado na garantia da segurança das famílias LGBT e das suas relações.
Comunicado de imprensa da NASW, 16 de Agosto de 2004

Tradução e adaptação do comunicado de apoio à ACLU feita por voluntári@ da ILGA Portugal. Caso queira sugerir alterações, contacte-nos.

Partilha as tuas impressões!

Escreve o teu comentário. Podes fazer trackback do teu site ou subscrever atualizações dos comentários subscribe to these comments via RSS.

Partilha todas as boas ideias. E enterra as outras :)

Podes usar as seguintes tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Este blog aceita Gravatar. Arranja um aqui!.